Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Programa político’ Category

Partido 3O estado co seu monopólio da violência é o máximo exponente do poder político. Para triunfar e conquistar o poder político temos que dizer-lhe ao povo quem somos nós, quem som os nossos inimigos e em que terreno luitamos. Temos que ter umha estratégia geral com uns objetivos e umhas táticas setoriais concretas. Isto obriga-nos a estudar o nosso estilo de trabalho.
A toma do poder político polo proletariado é a nossa razom de ser. Qualquer cousa que fagamos tem que favorecer a toma do poder político. Qualquer caminho que nos alonge del, ou que nom o tenha em conta é totalmente errada.

Continuar lendo

Read Full Post »

CAAAATSA luita de classes está presente em algum nível quando hai umha pugna polo poder, ainda que seja num espaço reduzido, durante um período pequeno de tempo, numha fábrica ou rua. Se hai umha luita por decidir quem tem o poder político, quem impom a lei, a lei do burguês no trabalho ou a lei da greve obreira. Se hai umha luita entre a lei do patrono ou a das obreiras. Entre a lei da polícia com o piquete legal ou a do piquete real que obriga a fechar. Entre a manifestaçom legal ou o feche da rua ao tránsito para demonstrar a nossa força, transformada em poder político temporal num espaço reduzido.

Continuar lendo

Read Full Post »

cbbbbbatsE quando falamos aqui de partido comunista referimo-nos ao partido proletário de novo tipo do que já falou Lenine hai mais dum século, e nom de qualquer organizaçom que se autodefina como comunista. Entramos logo  nisto. E ligado diretamente a isto encontramos o outro rasgo que achamos fundamental do revisionismo no MCI. Se se aposta na derrota do imperialismo e a burguesia desde as suas instiuiçons é natural que nom se aposte, que nem sequer se pense, na criaçom do contrapoder proletário e popular que poda ser a base desde a que conquistar o poder político.

Continuar lendo

Read Full Post »

Esta estratégia exige diversas linhas táticas históricas em cada trabalho político setorial concreto. Esta táticas indicam-nos como trabalhar politicamente (estilo de trabalho, política de alianças, como realizar a agitaçom, a propaganda e a organizaçom), em cada movimento social concreto, numhas determinadas circunstâncias históricas. O que nom pode suceder é que a tática entre em enfrentamento coa estratégia. Nom pode suceder que por taticismo perdamos a visom política, que esqueçamos os nossos objetivos políticos, caindo no oportunismo taticista que nom leva a nada.

Continuar lendo

Read Full Post »

Desde o primeiro momento foi a nossa prioridade desenvolver umha linha política justa. Necessitamos umha linha política justa para podermos desenvolver um programa político revolucionário e umha praxe revolucionária.

Cremos que só podemos ter um programa político revolucionário, se antes desenvolvemos umha linha política justa. Tamém sabemos que para encontrar esta linha e poder ter um programa político revolucionário, temos que responder a sete questons:

Continuar lendo

Read Full Post »